terça-feira, 31 de janeiro de 2017

[RESENHA] O Código da Febre

Oi pessoal, tudo bem?

Hoje vim fazer a resenha de um livro que faz parte de uma das minhas séries favoritas da vi-da.






Título: Maze Runner - O Código da Febre
Autor: James Dashner
Editora: Plataforma 21
Nº de páginas: 370
Onde comprar: Amazon | Americanas | Saraiva | Submarino
Skoob





Nota: 4





     O Código da Febre, quinto livro lançado da série Maze Runner, se passa entre o primeiro livro (Correr ou Morrer) e quarto livro lançado (Ordem de Extermínio). Portanto, aqui temos o período após a grande catástrofe e antes da entrada de Thomas no Labirinto.

     Em O Código da Febre, acompanhamos todo o processo da entrada de Thomas, Teresa, Minho, Newt, Alby - e até mesmo Chuck - além de outros personagens no CRUEL. 

     Quando vi esse livro na livraria, confesso que surtei total. Fiquei louca! Maze Runner é uma das minhas séries favoritas e, para mim, a distopia mais real. Carrego essa história e o impacto dela comigo todos os dias. Maze Runner me lembra das atrocidades que o ser humano é capaz de cometer, seja visando o bem ou o mal.

     Confesso que fui com expectativas altíssimas para este livro e talvez esse tenha sido um problema para mim. Foi o único livro que categorizei como quatro estrelas (todos os outros foram cinco!). Foi bom estar novamente com Thomas, mas achei o livro um tanto quanto parado. Entre todos os outros da série, foi o com menor quantidade de cenas de ação. Vemos aqui, mais momentos tristes do que tensos.

     Um grande ponto positivo deste livro foi entender algumas coisas que acontecem nos livros seguintes. Não quero me estender muito nesta questão para que eu não dê nenhum spoiler, mas realmente facilitou bastante compreender algumas coisas como a escolha dos garotos, as decisões tomadas pelo CRUEL, a relação entre Thomas e Teresa, e assim por diante.

     Mas afinal, por que ele não me encantou tanto?

     Acredito que a resposta para essa pergunta seja: neste livro, recebemos mais do mesmo.

    Há um livro dos arquivos Maze Runner, como se fosse um extra de série. Li este livro antes de começar a ler Código da Febre, e foi ai que percebi: o autor mostrou a história por trás dos arquivos, e por isso acabou não empolgando tanto. Mesmo se eu tivesse lido em ordem contrária, acredito que ainda assim teria essa sensação de já saber o que estaria por vir.

      De qualquer maneira, recomendo livro para os fãs da série. Esse livro me fez odiar a Teresa ainda mais (pois é) e me fez refletir novamente, sobre a ambição do ser humano e sobre o que somos capazes de fazer. Foi bastante importante para entender a ideia do CRUEL em si.

     Minha única recomendação é: não vá com sede ao pote. Espere por um livro leve, sem muitas emoções.


----

E ai, o que vocês acharam desse livro? Me contem!

Beijos, e até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oii! Gostou? Curtiu? Quer fazer uma pergunta ou uma crítica? Fique à vontade para comentar aqui no post. E volte sempre, combinado? :)